Centro de Documentação, Comunicação e Memória Afro-brasileira

Luíza Bairros, então coordenadora nacional do Movimento Negro Unificado (MNU) concedeu entrevista em julho de 1992, à jornalista Nise Quintas, do Correio Braziliense. Ela estava em Brasília convidada a prestar depoimento à Comissão Mista Parlamentar de Inquérito que investigava a esterilização em massa de mulheres e era presidida pela deputada Benedita da Silva (PT-RJ).

Parceiros